+55 81 30932991 contato@migueluchoa.com

É interessante observar como em nosso pais tudo tem a tendência a virar pizza, a ser alvo de risadas, chacotas, assunto de programas humorísticos, discussão de mesa de bar e por aí vai. Mas o que deve nos incomodar, é que, em se excetuando o DNA humorístico do brasileiro, existem coisas que com elas não se brincam.
Os ídolos cometem os delitos, mas são vistos como heróis, usam drogas, são flagrados envolvidos com escândalos sexuais, abusam de pessoas, saem com travestis… mas tudo isso é relativo, afinal de contas eles fazem a alegria de uma nação inteira quando seus pés , suas cabeças e seus dribles levantam as multidões que lotam os estádios, suas vozes que enchem os auditórios e suas performances que dão os altos índices de audiência e manipulam a nação em suas novelas que, em sua maioria, distribuem contra valores como semente de uma futura geração alienada e de uma atualidade de pessoas acríticas que vão se moldando aos contra valores.
Agora é a vez do baixinho, como é chamado por tantos.. o Romário, ídolo nacional pelos seus grandes feitos,( se é que pode se considerar grande feito ajudar a trazer uma taça de campeão mundial de futebol enquanto o pais é campeão mundial de tantas outras tragédias). Assisto ao Tele Jornal e ali vejo o ídolo ser alvo de brincadeiras e os apresentadores colaborando para que o CRIME do não pagamento da pensão alimentícia de seus filhos seja visto por todos como uma brincadeira. Se permitem envolver pelas chacotas que o próprio ídolo faz. Tudo parece nada, e o endeusado, faz pouco da lei, da ordem e da decência.
É indiscutível que Romário foi um craque do futebol, uma astro, alguém dotado em seu talento. Isso ninguém pode negar. Faz algum tempo, quando perguntado quem é Romário? Ele respondeu de pronto.. eu sou Deus! Não Romário não é Deus.. Deus em Jesus Cristo disse e fez outra coisa… deixai vir a mim as criancinhas porque delas é o Reino dos Céus Lc 18:15. Não , não dá pra rir com as chacotas do Romário
ABOUT THE AUTHOR
admix