+55 81 30932991 contato@migueluchoa.com

Até hoje, em minha caminhada pelos círculos eclesiásticos, estudantis e políticos percebi sempre uma coisa, aqueles que se dizem os tolerantes ( liberais) são ferrenhamente intolerantes.
Na vida eclesiática, assim temos visto, aqueles que defendem os direitos da minoria, negam o mesmo direito à maioria. O que acontece é que a maioria é privada de exercer certos direitos. Os chamados liberais na teologia se mostraram sempre assim, intolerantes. vejam essa recente notícia:
Em uma decisão sem precedentes, o Superior Tribunal do Distrito de Columbia (Washington, EUA) decidiu que ex-homossexuais devem ser reconhecidos sob as leis contrárias à discriminação por orientação sexual. O Tribunal assumiu que, sob a Lei de Direitos Humanos do Distrito de Columbia, a orientação sexual não requer características imutáveis. “É gratificante que a comunidade de ex-gays agora tem os mesmos direitos usufruídos pelos gays”, disse Regina Griggs, diretora executiva da entidade Pais e Amigos de Ex-Gays, que entrou com uma ação no tribunal acusando o governo do Distrito de Columbia de falhar em proteger os ex-homossexuais na Capital da Nação.
http://www.anglian-mainstream.net/
Ou seja os ativistas gays demandam igualdades, mas as negam para os outros.
No convívio no meio político estudantil vi a mesma coisa acontecer, os abertos, democratas considerados de vanguarda na realidade eram basistas e manipuladores. Quantas assembléias arquitetadas para conduzir a maioria desinformada a um fim intencionalmente preparado pela minoria, sem a clareza necessária.
Na política partidária, graças a Deus, a minha passagem foi curta e logo percebi que a grande expectativa do …Arrastai tai Arrastai de novo… trouxe pouca diferença e pelo meu convívio de funcionário público pude perceber toda a perseguição política em uma instituição de pesquisa e a ” linchação ” de técnicos de alto gabarito excluídos pela diferença política.
Hoje, não é diferente e assim os sempre considerados tolerantes se enchem de toda intolerância.
O evangelho de Jesus Cristo prega a harmonia e a convivência fraterna acima de tudo e o que se tem feito de mal com essa mensagem não a invalida, ela continua vivo e atual.
PS. Se engana quem pode achar que desconheço o outro lado, mas o chamado “outro lado” sempre foi chamado de intolerante e seguiu sendo fiél ao seu chamado.
ABOUT THE AUTHOR
admix