+55 81 30932991 contato@migueluchoa.com

Essa Equação Não Está Correta

Não há salvação em nenhum outro, pois, debaixo do céu não há nenhum outro nome dado aos homens pelo qual devamos ser salvos”.  At 4:12

 X + MAS = Natal

Estamos na quase véspera de natal, amanhã todos estarão felizes e cantando canções natalinas, muita confraternização, muita festa e tudo que nós já sabemos. Resta-nos então a pergunta que equação é essa  X+MAS+ Natal ? O fato é que nos países de língua inglesa, ou seja em boa parte do mundo ocidental, esta se celebrando uma festa, mas não necessariamente o natal assim como é proposto, a natividade de Jesus Cristo em Belém de Judá na palestina de cerca de 2000 anos atrás.
Li uma tentativa de remendar esse descaso onde alguém dizia que isso era apenas uma maneira de facilitar as coisas e que o X é a letra c do alfabeto grego e que traz o som de Cri ou coisa semelhante. Não é necessário ser linguista para saber que a letra c do alfabeto grego tem o som de chi, a ideia de K e não dá para substituir o CHRIST, como propôs alguém.
Na realidade, por trás disso tudo está a palavra secularismo que significa o seguinte segundo o dicionário Michaelis_ Sistema ético que rejeita toda forma de fé e formação religiosas e aceita como diretrizes apenas fatos e influência derivados da vida presente.
Portanto a secularização do natal leva essas pessoas a não aceitar a festa com a sua proposta inicial, onde se celebra a natividade do Senhor e Salvador da humanidade Jesus Cristo. Mas, entendendo que a festa é boa, que propõe amizade, amor, promove confraternização e um espírito desarmado, ou seja, traz benefícios a todos, vamos celebrar, no entanto retira-se a componente religiosa, a saber, o Cristo e coloca-se algo semelhante na pronuncia, mas que não seja tão cristão como o nome CHRIST.
Assim, como numa equação onde X pode ter qualquer valor, você atribui o valor que quiser, contanto que se celebra, festeje e se promova a vida e a alegria. Nessa nova equação o X pode ser igual ao que você quiser, por exemplo:
X+MAS= Natal  onde X= confraternização logo confraternização + festa = Natal
Coloque o que você quiser no lugar do X e sua festa está legitimada pelo processo de secularização que vive a sociedade hoje, especialmente dentro de sua componente pós-moderna onde tudo se relativiza e os absolutos morreram e foram sepultados faz algum tempo.
Para nós cristãos essa equação está errada e a única maneira de resolvê-la é dando ao X o valor que lhe é devido novamente  
X+MAS = Natal  ,   onde X= CHRIST ,  logo, Christ + MAS = Christmas ou seja, Natal
Dessa forma não retiramos o Cristo do natal e mantemos o verdadeiro sentido dessa celebração. A cristandade não pode aceitar as nuanças do secularismo e necessita sempre afirmar seus valores, custe o que custar.
Feliz natal a todos, celebramos nesse dia, o dia que Deus decidiu vir ao mundo e oferecer seu amor aos seres humanos. Seu nome foi Jesus Cristo o nome sobre todo nome. Assim seja
Leia Mais

Dois pesos e duas medidas, Duas atitudes negativas

Quando pessoas pensam e defendem seus pontos de vista nada deve ser reprimido em termos de forma de expressão. A livre expressão é um direito de todos. No entanto, as medidas precisam ser as mesmas para todos os casos.

O que se considera homofobia, agressão contra os homossexuais, e de fato é, deve ser banido da sociedade. Cada qual tem o direito de ser e pensar como quiser desde que seja sua posição pessoal sem tentar impor nada a quem quer que seja. No entanto, é também agressão à família heterogênea, ao conceito de fidelidade familiar, defendida pela extrema maioria da população seja de maneira pública ou privada, quando se promove o adultério, a promiscuidade e se vulgariza o conceito de família e de espiritualidade cristã, que é o caso a que me refiro.   

Na realidade, acho desnecessário colocar outdoors pela cidade dizendo que o homosexualismo é pecado, porque teria que colocar outdoors espalhados sobre tudo que é pecado e não haveria  terrenos disponíveis para tal iniciativa. Não é assim que pregamos o evangelho, não é sendo contra e sim sendo a favor daquilo que Deus é a favor.

Da mesma forma é uma agressão e um ato desmedido colocar outdoors que motivam as pessoas a serem promiscuas, adulteras usando inclusive a imagem do Cristo e fazendo pouco do conceito de perdão defendido pelas Sagradas Escrituras. Neste caso, o outdoor taxado de homofóbico foi sensurado, mas os demais estão expostos em Recife e em outras cidades Brasileiras.

A sociedade, que de maneira hipócrita se diz politicamente correta não se manifestou contra o segundo caso, mas fez um grande tumultuo em torno do primeiro. Volto a dizer, ambos desnecessários em meu ponto de vista.  Isso pode nos mostrar que os pesos e as medidas são diferentes e a justiça, não é tão cega assim quando é dirigida por seres humanos.

Leia Mais

Que diferença faz Cristo em sua vida? Que diferença faz sua vida para Cristo?

Quando alguém conhece de fato a Jesus Cristo, e quando falo isso0 não digo apenas um coração emocionado, uma lagrima vertida, uma emoção incontida. Trato de um coração transformado em sua cosmovisão, eu via o mundo assim, agora vejo-o dessa forma algo como, minha visão ia no limite de meu nariz, agora se estende onde Deus me levar… Meus valores eram esses, agora eu declaro que meus valores são outros, bem diferentes e bem centrados nas Palavras de Jesus em sua totalidade e não apenas em trechos convenientes que justifiquem atitudes e posicionamentos. A isso chamo de conversão genuína.
Ao longo de minha experiência cristã que completa dia 21 desse mês alguns 31 anos, tenho visto muitas conversões desse tipo e meu coração se alegra por, em diferentes etapas de minha caminhada, como jovem, líder de jovens, pastor de jovens, pastor auxiliar e Reitor ou seja pastor efetivo e fundador de uma comunidade nos últimos 15 anos  ter podido investir em inúmeras vidas e ver o que Deus fez e tem feito usando essas vidas no Seu grande plano de transformação da sociedade. No entanto não me conformo com tantas vidas que vi serem tão atuantes estarem hoje tão inertes. Onde foi parar aquela paixão?
Mas, sinceramente sou um inquieto, entendo que dentro do universo daqueles que sinceramente se convertem a Cristo existirá sempre aqueles que levantarão a bandeira e irão adiante como parte desse “exército”, que não medirão esforços, que trabalharão sacrificialmente pela expansão do Reino. Existirão também  aqueles que levantarão a bandeira, mas ficarão em seus lugares, usando seus talentos dentro de suas possibilidades além daqueles que discretamente levantarão a bandeira a meio mastro e eventualmente manifestarão a sua posição, sem falar daqueles que durante algum tempo foram ativos colaboradores do Reino , mas que em algum momento voltaram-se para seus mundos pessoais e hoje, tem suas vidas equilibradas, famílias bem estabelecidas, vidas profissionais exuberantes, mas que de forma alguma a expansão do Reino de Deus lhes queima as pestanas, lhes traz preocupação. Vivem bem abastecidos das mensagens em suas igrejas, conhecem os valores do Reino, vivem de acordo com eles na maioria das vezes, mas quando se fala em envolvimento e espirito de conquista, a correria, a ausência de tempo etc. são empecilhos a qualquer possível participação. Perderam o gosto pela causa, mas vivem dentro do Reino, creem firmemente, mas a paixão, aquela um dia vivida, essa se foi, deu lugar a uma crença inequívoca mas associada a uma acomodação indiscutível.   
Não tenho ilusão de que será diferente, sempre haverá esse tipo de diferença entre posturas, comportamentos e atuações. Mas se existe algo que me inquieta é ver um talento adormecido, um dom congelado um navio no porto, um cristão inerte, um espaço a ser preenchido, enxergar as peças chaves e não poder contar com elas, ha sim, isso inquieta meu coração.  O Amor de Deus me constrange a sair, o presente de Deus que recebi em Jesus Cristo me deixa inquieto em estar apenas vivendo, mas sem fazer qualquer diferença significativa para que a oPalno de Deus seja levado a cabo.
Não, não fomos criados e transformados para nos limitarmos a uma vida equilibrada, como diz um pastor amigo meu, “o evangelho acomoda os atribulados e incomoda os acomodados” assim creio e o que me consola é que o Poder de Deus em algum momento pode trazer de volta esse elo perdido que conecta todos nós ao coração missionário de Deus e nos faz Irmos por todo mundo e levarmos as boas novas de Jesus Cristo.
Um dia estaremos diante de Deus e uma pergunta nos será feita: “ O que você fez com Cristo?” a resposta a essa pergunta é o que deve direcionar as nossas vidas. Que diferença fez e faz Cristo em minha vida e que diferença eu fiz e faço para Cristo.
Leia Mais