+55 81 30932991 contato@migueluchoa.com

Um Nordeste Independente?

O Brasil é um pais de dimensões continentais e de preconceitos universais. Cuidado com o que digo, não quero incitar xenofobia, apenas registrar o que penso em relação a esse imenso pais e como ele trata e distrata as suas regiões. Não posso generalizar e seria infante o fazendo, mas posso observar e me sujeitar às críticas as quais entendo como objeto de crescimento.
Braulio Tavares e Ivanildo Vila Nova compuseram uma canção que foi interpretada por Elba Ramalho e que fala de um Nordeste independente . Não gostaria de ver isso acontecer, mas sinto no coração e sofro em meu ser com a discriminação que essa região recebe em praticamente todos os setores da sociedade. Não me preocuparia em citar dados pois as estatísticas do IBGE estão disponíveis nessa rede para os mais interessados.
Sou um cristão, evangélico e parte dessa parcela da Igreja de Cristo denominada Igreja Anglicana. Tenho tido a oportunidade de conhecer o Brasil e o mundo devido aos meus compromissos como pastor. Já pisei nos 4 cantos do mundo e em quase todos os continentes desse imenso globo, já experimentei de uma variedade de culinária que me encantou e me desafiou, já percebi que o tecido multicolorido dessa colcha de retalhos que é a humanidade é algo tão rico quanto o Seu criador.
Porém, vivendo no Nordeste do Brasil sinto a realidade dessa região e a distância que cresce em relação ao acesso aos recursos, encontros, congressos e seminários no que diz respeito a área da espiritualidade e do ministério. Sou do tempo em que a VINDE do Rev Caio Fábio, praticamente a única organização que entendeu isso muito bem, regionalizou seus congressos fazendo-os sempre no Nordeste e no Sudeste. Parabenizo o Pr Armando Bispo da IBC Fortaleza pela sua dedicação no EPL. Vou assumi-lo como destino anual e recomendar líderes a fazerem o mesmo.
Mas até hoje predomina a sudestilização dos encontros, congressos, palestristas, facilitadores, pregadores. Posso ser mal compreendido pela minha colocação e isso não me preocupa. Se o Nordeste não dá lucro, que tal investir nele? Sei que dá lucro para po Reino e isso está provado.
Mas, estou me cansando
De ver sempre os mesmos palestristas
De escutar sempre os mesmo exemplos
De ver as ilustrações serem sempre entre corinthias e palmeiras
De perceber um único sotaque carregado
De observar quase um único modelo
De ver que há uma linha imaginária, um equador ideológico,

discriminatório que passa mais ou menos por Brasília e o que está acima…

pegue um avião, se endivide…Deus honrará!!!
Já não tenho mais o animo de me deslocar tanto para ouvir as mesmas coisas e as mesmas experiências, enquanto tenho conhecimento de tantas experiências nesse Nordeste de Deus, de missões, de igrejas que crescem, de pregadores que fazem diferença, de igrejas inculturadas, de líderes que lideram.. não obstante a dura e porque não dizer triste realidade de seus orçamentos, planilhas de custos cruéis e recursos escassos…
Não me acho o coitadinho, não me coloco como murmurador, mas apenas observo uma realidade e não dá pra simplesmente fingir que isso não acontece. O verso da canção de Braulio Tavares já afirma…

Quando um dia qualquer isso for feito
todos dois vão lucrar imensamente
começando uma vida diferente
da que a gente até hoje tem vivido…

…Se isso vier a se tornar realidade

e alguém do Brasil nos visitar

nesse nosso país vai encontrar

confiança, respeito e amizade
Não quero um Nordeste independente, quero um Brasil costurado em diferentes retalhos
Leia Mais

Um Estranho Conceito de Democracia

Sei que o conceito de Democracia vai além de termos o direito de votar e nada mais. Claro é mais amplo e profundo. A democratização inclui entre outras coisas o justo acesso de todos aos serviços, às riquezas etc. Nesse contexto, até nós Brasileiros ainda vivemos uma democracia muito frágil. O que estranho no entanto é a capacidade de um governante que se diz democrata, socialista, pelo povo e outros adjetivos mais, sair em apoio descarado a regimes que estão massacrando o termo democracia em todos os aspectos.
Nenhum avanço , seja social ou econômico pode ter o preço da liberdade. Quem , assim como eu, chegou a ver os tanques do exercito no pátio da Universidade em dias de greve estudantil, não pode nunca esquecer esse passado que macula a memória da nação e do grande povo brasileiro. Via de regra, não manifesto meu voto em nenhuma eleição, faço uso do instrumento de ele ser secreto. Mas uma coisa eu posso dizer, nunca marquei ou “apertei” o meu voto para qualquer candidato que teve a sua vida política manchada pela participação, conivência, assimilação, passividade, cabeça baixa, faz de contas em relação ao Regime militar de exceção que fez o Brasil sangrar durante 20 anos.
Por isso enquanto para muitos, especialmente os da mais recente geração, que por não se informarem ou não serem informados, ver o Presidente Lula sair em defesa de José Sarney tendo-o como “ alguém que tem um passado nesse pais” , e que passado!!! Ou vê-lo dizer que os protestos nas ruas de Teerã são insatisfações de perdedores, ou ainda se associar com o déspota e enlouquecido Hugo Chaves, ou mesmo apoiar as FARC e sua ação terrorista, visitar e beber na “sabedoria revolucionária” de Fidel Castro sem considerar seus porões lotados de gente sem liberdade sendo torturada, sustentar politicamente Renan Calheiros, trocar figurinhas com Fernando Collor… tudo isso em nome da governabilidade!!!?
Eu continuo na convicção de que meus valores não devem mudar por conveniência, que meu discurso uma vez pela verdade será sempre pela verdade. Não posso esquecer tudo que li, que ouvi e que graças a Deus não cheguei a ver no porões da ditadura. As unhas arrancadas a sangue frio, as mulheres estupradas na frente de seus familiares, os choques elétricos … não, não vou esquecer… (guardo um exemplar do livro “Brasil Nunca mais”) para assegurar que minha memória não falhará… e que ninguém me chame de idealista, sonhador, mas isso faz parte, em meu vocabulário de uma outra linha de palavras e adjetivos. Tem a ver com coerência, memória e razão apurada.
Sou um cristão, evangélico e anglicano. Meus princípios são perfeitos, mesmo eu não o sendo e essa perfeição vem de alguém que disse “ Conhecereis a verdade e a verdade te libertará. Jo 8:32. Por essas e tantas outras coisas mais eu continuo a ver tudo isso como um estranho conceito de democracia.
Leia Mais

Porque a Igreja cresce no hemisfério sul?

Não sou nenhum especialista em crescimento de igreja, mas posso, como pastor e interessado no assunto tecer alguns comentários baseados em uma experiência, que mesmo breve ( 15 anos de ministério ordenado), tem sido bem vivida em diferentes contextos culturais, diferentes nações e continentes. Tenho tido o privilégio de viajar para praticamente todos os continentes, principais países deste planeta e em todas estas minhas “andanças” observo que a Igreja Cristã, especialmente a de cunho evangelical, tem crescido em diferentes contextos. Quer ver?

Vamos lá
No hemisfério norte existe um crescimento razoável no meio das igrejas livres, as maiores igrejas evangélicas do mundo se encontram , em sua maioria, nos EUA. Me refiro a comunidades locais, a exemplo da Igreja de Willow Creek (Pr Bill Hybels), Igreja de Saddleback ( Pr Rick Warren), Joel Osteen e vários outros que levam milhares e milhares de pessoas a Cristo e a uma vida cristã saudável e equilibrada. Essas e outras igrejas na Inglaterra, na Irlanda, no Canada, podem não representar a realidade da maioria das igrejas, mas representam um crescimento impressionante.
Na Ásia, encontraremos as igrejas na Coreia do Sul que vão muito além da Yoido Full Gospel Church (Assemblies of God), do Pr David Yongii Cho, pois alí todas as igrejas experimentam crescimento acima da média mundial, livres, históricas e denominacionais. Grandes templos cristãos tomam conta das ruas de Singapura, Malásia e tantas outras nações.
Na América do Sul, experimenta-se um dos maiores crescimentos registrados na igreja cristã em todos os tempos. Igrejas livres, pentecostais, evangélicas, históricas crescem significativamente. Isso temos visto com nossos próprios olhos. Sou Pastor anglicano e pela misericórdia de Deus temos experimentado um nível de crescimento razoável,mas sou cercado de presbiterianos, batistas, congregacionais, pentecostais e outras igrejas que igualmente , ou em maior dimensão, experimentam também crescimento.
Por fim, temos a África que vive um avivamento cristão a décadas e igrejas das mais variadas crescem da mesma maneira em níveis impressionantes. Quase 1/3 dos anglicanos do mundo estão concentrados na Nigéria com quase 20 milhões de membros e isso não é um privilégio anglicano, a África a cada dia é mais e mais do Senhor Jesus.
A pergunta que fica é: O que há de comum com essas situações ? atente, todas essas igrejas tem em comum uma coisa, elas defendem ser Jesus o Único Caminho para a Salvação, todas elas crêem que sem Jesus as pessoas estão perdidas, todas elas crêem que a igreja é um organismo vivo e não uma instituição burocrática. Todas elas crêem no poder do Espírito Santo, todas elas crêem nos milagres e nas curas, todas elas crêem na pregação no poder, todas elas crêem na benção do casamento entre um homem e uma mulher e exclusivamente isso, todas elas crêem na ressurreição de Cristo, todas elas crêem no nascimento virginal de Cristo, todas elas crêem que Jesus voltará para resgatar a sua igreja… todas elas crêem que o Credo dos Apóstolos não é apenas uma declaração histórica, mas sim, o “estatuto” da Igreja de Cristo. E, lembre, todas elas crêem que a Bíblia é, contem e anuncia a Palavra viva de Deus.
E, é por isso, que a igreja no hemisfério norte, que a cada dia desacredita mais de todas essas coisas vem experimentando um verdadeiro êxodo para as igrejas que sim, acreditam nelas. É por isso que as estatísticas dizem que em algumas décadas, essas igrejas se tornaram peças de museu, parte da história registrada em algum arquivo morto.
Leia Mais

Agora versão em Inglês/Now an English version

Dear bloggers
I am glad to inform you that you can now read this blogg in English due the google translator. Go to the right side and look for ” EnglishClick ontranslate to English” and that´s all. The translation is not perfect but it is enough for you to read it and understand.
Welcome world bloggers
Leia Mais

Cristianismo/Anglicanismo e o Programa do JÔ

Sempre que consigo e quando há algo interessante, gosto de assistir o programa do . Portanto assisti nesses dias uma entrevista do Rev. Anglicano Aldo Quintão pároco da catedral anglicana de São Paulo e conhecido como o Reverendo casamenteiro. Conheci o citado Reverendo rapidamente faz alguns anos e me surpreendi com sua performance na entrevista do . Eu explico:
Lamentavelmente tenho que dizer que as informações dadas pelo citado reverendo não são de todo verdadeiras e colaboram com a desinformação sobre esse ramo do cristianismo. Para esclarecer coloco apenas algumas informações :
A Igreja Anglicana, não defende, nem aceita o homossexualismo como algo dentro da normalidade de comportamento. Cito a resolução da Conferência de Lambeth de 1988, ainda válida e que diz a posição oficial dessa denominação cristã.
Resolução I.10 Conferência de Lambeth 1998 sobre Sexualidade Humana
Esta Conferência:

Recomenda para a Igreja o relatório de subseção sobre a sexualidade humana
1. Devido ao ensino das Escrituras, apóia a fidelidade no matrimonio entre um homem e uma mulher em união vitalícia, e acredita que a abstinência é correta para aqueles que não são chamados a viver a vida matrimonial;
2. Reconhece que há entre os seres humanos pessoas que têm uma orientação homossexual. Muitos destes são membros de igrejas e estão buscando o cuidado pastoral, e a direção moral da Igreja, e Deus em Seu poder está transformando suas vidas e ordenando suas relações. Nós nos comprometemos a escutar à experiência destas pessoas desejamos assegurar que elas sejam amadas por Deus. …..
3. Enquanto rejeitamos a prática homossexual como incompatível com as Escrituras, conclamamos todos a ministrar pastoralmente e sensivelmente a todos independente de sua orientação sexual e condenamos o medo irracional de homossexuais, violência dentro do matrimonio e qualquer maneira trivial de tratar ou comercializar a sexualidade humana;
(e) Não podemos aconselhar, legitimar ou abençoar as uniões do mesmo sexo. Nem a ordenação destes que se envolvem neste tipo de união.;
(g) Denotamos …..a autoridade de Escritura em assuntos de matrimonio e sexualidade……
Está claro que a igreja acolhe qualquer pessoa, mas está também claro que isso não significa que concorda com o seu estilo de vida.
Sou pastor anglicano em Jaboatão dos Guararapes ( Grande Recife) , e nossa paróquia é hoje a maior igreja Anglicana da América Latina em números, inserção, atividades e ministérios. Temos recebido pastoralmente pessoas de diferente estilos de vida e opção sexual, mas os encaminhamos na direção da transformação de suas vidas pelo poder de Jesus Cristo, e isso tem acontecido com frequência.
Ninguém pode ser considerado “Um Anglicano” porque aceita homossexuais sem distinção e porque crê na misericórdia etc.. Ser um anglicano é crer em Jesus Cristo como único Senhor e Salvador. Associado a isso, ser um anglicano é ser um cristão bíblico e ao mesmo tempo contemporâneo, atento ao que ocorre no tempo e no espaço e pronto para interferir no processo da justiça, da misericórdia, dos valores cristãos.
Respeito as opiniões pessoais do Rev Aldo, seu profícuo trabalho social, e a de quem quer que seja, respeito as opções de qualquer pessoa, mas não posso abrir mão das Escrituras e de todas as suas implicações na vida do ser humano ontem , hoje eternamente.

Leia Mais

Brasil, olha pra cima…

Elevo os meus olhos para os montes; de onde me vem o socorro?
O meu socorro vem do Senhor, que fez os céus e a terra. Sl 121:1-2

Este é o refrão de uma conhecida canção cristã, nela o autor procura mostrar a necessidade desta grande nação de rever seus valores, especialmente seus valores espirituais. A canção insiste que o justo juiz e somente Ele pode fazer desta nação um gigante, como prega o seu hino nacional.
Você já deve ter escutado inúmeras vezes a expressão “a esperança é a ultima que morre”. Este é um ditado popular, conhecido por todos. De acordo com ele, a esperança pode tardar, mas morre. Será que a esperança morre? Morre sim, pelo menos tenho visto ela morrer para muita gente.
Tem gente que lutou, se esforçou, foi aos seus limites… gente, que esperou muito tempo para ver a transformação desta nação sob a liderança da estrela vermelha. Líderes, empresários, executivos, donas de casa, gente simples, gente abastada que deu de si, mas que terminou vendo a exploração da retórica. O Brasil é uma grande nação, diz o líder maior. De fato o é, temos recursos naturais quase inesgotáveis se pudermos falar assim, estamos sempre entre as 10 maiores economias do mundo, temos e vendemos tecnologia para o mundo inteiro, estamos entre os 4 países emergentes que mais investem em outras nações, nossas grandes empreiteras constroem o desenvolvimento de outros povos…
Mas por outro lado, estamos sempre no topo do ranking das piores distribuições de renda do planeta , nossas metrópoles se empanturram de moradores de rua, a cada esquina de qualquer grande e média cidade brasileira se encontra um sem número de adolescentes que usam a libido para ganhar a vida
Nossa esperança vai se detendo diante destes imutáveis quadros. Mas o que tem detido esta esperança? o que segura a explosão deste gigante adormecido? Não me tome por simplista, mas nos tem faltado homens e mulheres que olhem além de seus narizes, protejam mais que suas cabeças e invistam mais do que em seus exclusivos interesses
Quero ser objetivo… precisamos de Deus no coração de cada líder, cada parlamentar, cada empresário, cada empreendedor, de cada brasileiro.
Um coração que conheça e ame a Deus, jamais fará de seu crescimento a miséria do outro, de seu sucesso o fracasso de tantos. Nossa nação está enferma da alma, do corpo e principalmente do espírito.
A Igreja anglicana acertou quando colocou como avenidas de sua missão, todas as áreas que envolvem a vida tornando a sua missão uma missão integral. Nossa missão deve ser integral, deve levar o pão da vida e a vida através do pão, deve dar amor ao mesmo tempo em que ama a justiça a destreza as coisas certas. A Missão que educa e através da educação que transforma…
A Missão integral inclui o caráter de Deus em cada ser humano.. Temos a mente de Cristo diz o apóstolo Paulo. Mas o que temos visto é talvez o maior vácuo de caráter jamais vivido nesta nação.
Eu e você temos uma missão, sermos os agentes de transformação. A cada dia nele fazer diferença onde você estiver, ore pelo seu país, opine para sua melhora, aja para que se faça justiça e interceda para que este gigante acorde e, olhe para cima
O melhor do Brasil, será, quando Deus for Senhor desta nação
Leia Mais